Dicas de segurança para andar de bicicleta

 

Andar de bicicleta pela cidade tem se tornado uma prática cada vez mais frequente entre aqueles que querem fugir do transito e levar uma vida mais saudável e com mais qualidade. Seja para ir para a escola, faculdade, trabalho, ou apenas dar uma volta, a bicicleta é um dos meios de transporte preferidos, porém, é preciso tomar alguns cuidados para garantir a segurança no trânsito.

Os mais experientes costumam utilizar a bicicleta no trânsito quando não há ciclovia, e é justamente nesses casos que o cuidado deve ser redobrado. Aos que estão iniciando os passeios pelo trânsito, é interessante saber que andar pela cidade requer cuidados, mas que pode ser muito prazeroso também. Fique atento as dicas abaixo e vá de bike!

Acessórios para a bike e para o ciclista

Capacete, luvas e óculos:

Apesar da sua importância, o capacete não é utilizado pela maioria dos ciclistas, sendo mais comum encontra-lo apenas entre os que fazem da bike um esporte mais sério. Entre os ciclistas comuns, dificilmente encontramos o acessório.

Esse fato acontece porque o uso do capacete pelos ciclistas não é obrigatório, e porque para aqueles que utilizam a bicicleta apenas para passeio, sem muita velocidade, os riscos de acidente são menores, porém, para os mais cuidadosos e preocupados, o capacete sempre representará uma dose maior de proteção.

Sendo assim, não é realmente necessário utilizar o capacete, porém para aqueles que estão começando a andar de bicicleta seu uso é recomendado, e para aqueles onde o uso da bike é voltado ao esporte radical ou de velocidade, também.

As luvas e os óculos são ainda importantes por dois motivos, onde as primeiras protegem as mãos em caso de queda e do desgaste de apoio na bicicleta, e os óculos protegem os olhos da poeira, por exemplo, que poderá afetar a visão.

Iluminação:

Quem faz uso da bicicleta no período noturno provavelmente sabe da grande importância das luzes da bicicleta. Nesse sentido, as é importante instalar na bicicleta uma luz vermelha na traseira e uma luz branca na frente, sendo as duas piscantes, ajudando os motoristas a verem você e sua bicicleta com esse tipo de sinalização.

Boa conduta do ciclista

Pedalar na contramão:

Alguns ciclistas preferem pedalar na contramão, alegando que dessa maneira eles conseguem ter uma visão melhor dos veículos e do movimento na rua, porém, pedalar na contramão traz um risco muito maior ao ciclista do que pedalar de acordo com o fluxo.

Mas porque pedalar na contramão não é seguro? Pedalar na contramão não é seguro, uma vez que podem acontecer acidentes com pedestres, que não irão olhar para o sentido contrário ao fluxo na hora de atravessar, com carros fazendo curvas que não esperam que haja um ciclista vindo na direção contrária, ou ainda carros que estão saindo de garagens, ou vagas. Em nenhum desses casos, o motorista ou o pedestre tem a obrigação de esperar que algum ciclista esteja vindo na contramão, e por isso, é muito mais seguro andar na mão correta, e evitar acidentes.

Outro fator de grande importância é relacionado a física, onde ao andar na contramão em caso de batidas, a velocidade da sua bicicleta se somará a velocidade do carro, tornando o acidente mais grave e com maior risco de ser fatal. Já com o ciclista se movimentando no mesmo sentido que o carro, a velocidade relativa entre o carro e a bicicleta diminuirá, e caso ocorra um acidente, ele terá consequências possivelmente muito menores.

Sinalizar:

Lembre-se que ao andar de bicicleta na rua você se torna um ciclista, e que existem regras e boa conduta do ciclista para que acidentes sejam evitados e para que o transito funcione melhor. Nesse sentido, sinalizar e deixar sempre clara suas intenções com os motoristas e pedestres é de grande ajuda para manter a segurança e evitar acidentes.

equipamentos-de-segurança-da-bike_thumb4

Mais dicas e informações: http://qcveiculos.com

Be First to Comment

Leave a Reply